Acesse a página inicial

Menu principal
 

 Para imprimir o texto da consulta sem formatação, clique em IMPRIMIR no final da página.
Para visualizar os dados, clique em DADOS DA CONSULTA

CONSULTA PÚBLICA Nº 39
    Introdução




    Requisitos de Negócio levantados pela área requisitante - I

    Requisitos de Negócio levantados pela área requisitante

     

    I.            Requisitos de Negócio (que independem de características tecnológicas e definem as necessidades dos serviços e os aspectos funcionais da solução de TI):

     

    a)      A solução deverá resgatar o alinhamento entre a área de negócio e a área de TI, uma vez que esta não pode implantar sistemas sem conhecer o negócio daquela, e aquela não pode implantar nada sem o suporte desta.

     

    b)      A solução de Tecnologia da Informação será composta de uma ferramenta para automação da gestão de processos, além dos serviços de treinamento e identificação, modelagem, simulação, publicação, execução conforme a modelagem, monitoramento da execução e melhoria contínua de processos de negócio.

     

    c)      A solução deverá concorrer para o aperfeiçoamento contínuo de processos de negócio, permitindo sua evolução na medida da evolução das necessidades de negócio e da maturidade em gestão de processos.

     

    d)     A solução deverá possibilitar a automatização de atividades em que a interação humana agregue pouco valor à realização da tarefa. Alguns exemplos disso seriam o preenchimento de formulários de viagens a serviço, no SCDP (Sistema de Concessão de Diárias e Passagens) ou a consulta e inserção manual de dados no SAV (Sistema de Administração de Veículos).

     

    e)      A solução deverá gerir as transições de estados, execução de tarefas e o manuseio da bandeja de entrada de tarefas de cada usuário.

     

    f)       A solução deverá identificar, selecionar de forma balanceada e enviar informações e documentos eletrônicos automaticamente para os participantes das próximas atividades dos processos de negócio.

     

    g)      A solução deverá permitir o gerenciamento e controle dos fluxos de processo de fiscalização.


    Requisitos de Negócio levantados pela área requisitante - II

    II.            Requisitos de Capacitação (que definem a necessidade de treinamento presencial ou à distância, carga horária e entrega de materiais didáticos):

     

    a)      A solução englobará capacitação em notação BPMN e modelagem de processos de negócio (BPM - Business Process Modelling) e formação de suporte para a ferramenta de automação.

     

    b)      A capacitação para formação de suporte para a ferramenta de automação da gestão de processos deverá ser o treinamento oficial do fabricante da ferramenta para automação da gestão de processos ou outro com conteúdo e carga horária similar ao treinamento oficial do fabricante da ferramenta.


    Requisitos de Negócio levantados pela área requisitante - III

    III.            Requisitos Legais (que definem as normas às quais a solução de TI deverá respeitar):

     

    a)      A modelagem de processos de negócio e a ferramenta de automação da gestão de processos deverão possuir alinhamento com as orientações constantes no Guia de Gestão de Processos de Governo, disponível no endereço http://www.governoeletronico.gov.br/acoes-e-projetos/e-ping-padroes-de-interoperabilidade/guia-de-gestao-de-processos-de-governo.

     

    b)       A solução de TI deverá estar alinhado com as premissas, políticas e especificações técnicas que regulamentam a utilização da Tecnologia de Informação e Comunicação (TIC) na interoperabilidade de serviços de Governo Eletrônico definidas no e-PING, quando aplicáveis.


    Requisitos de Negócio levantados pela área requisitante - IV

    IV.            Requisitos de Manutenção e Garantia (que independem de configuração tecnológica e definem a necessidade de serviços de manutenção preventiva, corretiva, evolutiva e adaptativa):

    a)      As licenças de uso da solução deverão englobar manutenção e atualização de versão por 12 meses, a contar da data de instalação das mesmas.

     

    b)      O fabricante da ferramenta deverá disponibilizar acesso ao repositório de programas contendo correções, atualizações recentes, drivers, programas de controle, biblioteca técnica eletrônica, fóruns de debates e informações sobre os produtos, disponíveis 24 horas ininterruptas.


    Requisitos de Negócio levantados pela área requisitante - V

    V.            Requisitos de Segurança da Informação:

     

    a)      A documentação dos sistemas, dos controles de segurança e das topologias dos ambientes deve ser mantida atualizada e protegida, mantendo-se grau de sigilo compatível.


    Requisitos de Negócio levantados pela área requisitante - VI

    VI.            Requisitos Sociais, Ambientais e Culturais (que definem requisitos que a solução de TI deve atender para respeitar necessidades específicas relacionadas a costumes, idiomas e ao meio ambiente):

     

    a)                  A solução deverá permitir a automatização de processos de forma que os participantes possam realizar suas tarefas sem limitações impostas por barreiras físicas ou geográficas e participar cooperativamente, ainda que à distância.


    Requisitos Tecnológicos especificados pela área de TI - VII

    VII.            Requisitos Temporais:

     

    a)      Na automação de processos da fiscalização, a solução deverá permitir o planejamento, execução e controle de ações de fiscalização que contemplem um ou mais exercícios financeiros, uma vez que a ação se trata de um evento não necessariamente englobado dentro de um único exercício financeiro.


    Requisitos Tecnológicos especificados pela área de TI - VIII

    VIII.            Requisitos de Segurança da Informação:

     

    a)      O repositório central de processos de negócio deverá contar com controle de acesso e segurança a cada processo de negócio, de forma que somente usuários autorizados possam acessar a base de acordo em observância a seus direitos de acesso (leitura, alteração, exclusão etc).

     

    b)      A solução deverá suportar acesso ao repositório central de processos de negócio por meio da intranet corporativa da Agência. O acesso às instâncias de execução dos processos mapeados, entretanto, deverá também ser possível a partir da Internet, visto que podem ser de interesse direto da Sociedade ou de cidadãos.

     

    c)      A solução deverá permitir a construção de sistemas com diferentes perfis de acesso às funcionalidades que implementar.

     

    d)     A publicação dos processos de negócio deverá observar as regras de segurança e controle de acesso do repositório central de processos de negócio.

     

    e)      A solução deverá permitir a construção de sistemas que garantam aos usuários a autenticidade do conteúdo por meio de emissão de certificado digital, conforme padrões preconizados pela ICP - Brasil (http://www.iti.gov.br). Nesse sentido, todos os sítios web produzidos pela solução deverão obrigatoriamente utilizar "https" ao invés de "http".

     

    f)       A solução deverá permitir a construção de sistemas que preservem a privacidade das informações do cidadão, empresas e órgãos de governo, respeitando e cumprindo a legislação que define as restrições de acesso e divulgação.


    Requisitos Tecnológicos especificados pela área de TI - IX

    IX.            Requisitos de Arquitetura Tecnológica:

     

    a)      A solução deverá possuir um framework que permita a implementação de regras de negócios, provendo controles de integridade sobre as execuções dos respectivos processos de negócio e automatizando-os fielmente, sem possibilidades de infrações às regras de integridade do processo por fraude, desconhecimento ou negligência, respeitando a ordem das atividades que os compuserem. Deverá garantir a realização das atividades previstas e das condições necessárias para seus encerramentos, respeitadas as alçadas de decisão, com controle sobre os papéis e responsabilidades dos diferentes participantes relacionados.

     

    b)      A arquitetura da solução deverá facilitar a integração entre sistemas orientando a criação e disponibilização de soluções modulares e com pouca dependência de outras funções e aplicações (sistema fracamente acoplado).

     

    c)      A solução deverá permitir a classificação e catalogação de processos de negócios com base em metadados, de forma a auxiliar a navegação no repositório de processos ou a realização de pesquisas avançadas.

     

    d)     A solução deverá gerar e manter automática das bases de dados relacionais necessárias à execução dos processos de negócio mapeados.

     

    e)      A solução deverá permitir a geração de aplicações para diferentes plataformas, a serem executada não apenas em estações de trabalho, mas também em dispositivos móveis (smartphones, PDAs e tablets), permitindo assim sua utilização em campo. As informações inseridas de forma off-line deverão ser passíveis de sincronização após a retomada da conectividade.

     

    f)       Durante a utilização da ferramenta em dispositivos móveis, os dados colhidos em campo (por exemplo novas entidades irregulares, irregularidades do auto de infração e informações registradas em campos de observação durante a realização de fiscalizações) possam ser importadas do sistema do dispositivo móvel, ajudando a manter assim atualizadas as bases de dados relacionais necessárias à execução dos processos de negócio mapeados.

     

    g)      A solução deverá permitir que os processos de negócio modelados sejam disponibilizados para execução automatizada sem a necessidade de desenvolvimento de código de programação. As exceções onde algum nível de programação seria aceitável são:

     

     

    i)        Implementações de busca ou envio de informações em sistemas legados, para disponibilizar dados a processos de negócio modelados na ferramenta;

     

    ii)      Melhorias de interfaces gráficas que reduzam o esforço de interação do usuário com o processo (como busca de valores existentes, cálculos etc), as quais não possam ser implementadas com os recursos básicos de telas/formulários disponibilizados pela ferramenta; e

     

    iii)    Necessidades de se efetuar cálculos complexos, além da capacidade nativa da ferramenta de automação da gestão de processos.

     

     

    h)      A solução deverá possibilitar a substituição de qualquer componente ou produto usado nos pontos de interligação por outro de especificação similar, sem comprometimento das funcionalidades do sistema.

     

    i)        A construção do modelo de dados de alto nível da solução deverá observar a metodologia, padrões de notação e modelo de governança preconizados pelo Modelo Global de Dados (MGD), disponível no sítio http://modeloglobaldados.serpro.gov.br. Tal requisito possibilitará a substituição ordenada dos atuais sistemas estruturantes de Anatel; o desenvolvimento de novas soluções com maior nível de reusabilidade, interoperabilidade e aderência às necessidades de negócio da Agência; o compartilhamento de informações relativas a integrações atuais e futuras de dados atreladas a uma visão de negócio, macroprocessos e dimensões de governo; e a integração de soluções estratégicas nos diversos níveis e esferas governamentais.

     

    j)        A solução deverá adotar a tecnologia de Web Services como meio de interoperabilidade, de maneira que, independente das tecnologias em que foram implementados, possa-se adotar um padrão de interoperabilidade que garanta escalabilidade, facilidade de uso, além de possibilitar atualização de 1.600 usuários nomeados ou 200 usuários acessando a solução de forma simultânea e em tempo real.

     

    k)      A solução deverá permitir a utilização do protocolo SOAP (Simple Object Access Protocol) para interconexão em arquiteturas descentralizadas e/ou distribuídas para implementação de serviços em sistemas de qualquer porte.

     

    l)        Os serviços interoperáveis de interesse geral devem ser disponibilizados no Catálogo de Interoperabilidade, porém, há necessidade de se observar regras de utilização dos serviços de acesso restrito definidas pelos respectivos órgãos.

     

    m)    A integração para Legislação, Jurisprudência e Proposições Legislativas deverá ser feita através do LexML v. 1.0, disponível em http://projeto.lexml.gov.br. O Projeto LexML define recomendações para a identificação e estruturação de documentos legislativos e jurídicos.

     

    n)      A solução deverá disponibilizar a documentação completa de utilização de todos os componentes, inclusive APIs, que lhes compuserem, ainda que desenvolvidos por terceiros.

     

    o)      A solução deverá permitir a construção de sistemas que permitam manter a persistência de variáveis, de modo que as mesmas possa utilizadas em diferentes processos automatizados.

     

    p)      A solução deverá ser compatível com o barramento de serviços empresarial (ESB - Enterprise Service Bus) WSO2 e o catálogo de serviços ws-catalog.

     

    q)      A solução deverá possuir mecanismos que permita não apenas o tratamento de exceções, mas que também permita a investigação de erros e resultados inesperados que previnam o processo automatizado de não ser executado normalmente, conforme mapeado nos processos de negócio.

     

    r)       A solução deverá possuir recursos que permitam o monitoramento e medição do tempo gasto na realização das atividades dos processos de negócio em execução e o acompanhamento em tempo real de seus indicadores (BAM - Business Activity Monitoring). Com base nas informações de monitoramento, a solução deverá permitir a execução de planos de contingência baseado em gatilhos previamente definidos, seja através do envio de avisos, alertas, execução de webservices ou outras ações, a serem encaminhados aos integrantes do processo conforme o papel atribuído.

     

    s)       A solução deverá possuir conectores para integração de dados com Exchange, Wiki, Microsoft SQL Server, Microsoft Project e Microsoft Sharepoint.

     

    t)       A solução deverá permitir o instanciamento em lote de processos de negócio, a partir de parametrizações.


    Requisitos Tecnológicos especificados pela área de TI - X

    X.            Requisitos de Implantação da Solução:

     

    a)      A implantação dos serviços da solução ocorrerá em três etapas distintas e sucessivas, descritas a seguir:

     

    i)        Etapa inicial de instalação da ferramenta de automação de processos no ambiente operacional fornecido pela contratante;

     

    ii)      Etapa intermediária de treinamento da equipe da contratante em notação (BPMN - Business Process Modeling Notation) e modelagem de processos de negócio (BPM - Business Process Modelling), bem como sua automação através de ferramenta implantada na 1ª Etapa; e

     

    iii)    Etapa final de identificação, modelagem, simulação, publicação, execução conforme a modelagem, monitoramento da execução e melhoria contínua de processos de negócio, pelas equipes da contratante e da contratada.

     

    b)      A ferramenta de automação da gestão de processos deverá ser fornecida, instalada, em funcionamento centralizado, com acesso web, no ambiente operacional da contratada, apta a permitir a identificação, modelagem, simulação, publicação, execução conforme a modelagem, monitoramento da execução e melhoria contínua de processos de negócio, com notação BPMN (Business Process Modeling Notation), com a entrega das respectivas licença(s) de uso permanente, mídias com softwares e componentes, manuais e documentação necessários para seu correto funcionamento e uso.

     

    c)      O hardware para hospedagem da solução será provido pela Anatel.

     

    d)     As licenças de uso e softwares deverão ser disponibilizados com pleno direito de uso permanente da solução, em quantitativo suficiente para suportar até 100 usuários simultâneos, com diferentes perfis de acesso, e 1 módulo servidor, sem limites de conexão, base de dados, memória e CPU.

     

    e)      A instalação da solução e seus componentes deverá correr por conta da contratada, que deverá prover todos os materiais e ferramentas necessários para a instalação. A instalação deverá ser acompanhada por técnico(s) designado(s) pela contratante.

     

    f)       A referida instalação deverá ser realizada preferencialmente fora do horário comercial, incluindo sábados, domingos, feriados e períodos noturnos. Excepcionalmente, para as atividades que não impliquem interrupções no ambiente e em comum acordo entre as partes, poderá a contratante permitir que parte do serviço seja realizada em horário comercial.

     

    g)      Ao final da instalação a contratada deverá disponibilizar documentação detalhando a instalação e a customização da ferramenta.


    Requisitos Tecnológicos especificados pela área de TI - XI

    XI.            Requisitos de Modelagem:

     

    a)      A ferramenta da solução deverá possuir um ambiente de modelagem de processos que contemple tanto o nível de negócio (modelos "as is", "to be" e "cadeia de valor") quanto o nível de automação de processos de negócio, permitindo assim o mapeamento, documentação, análise e redesenho de processos organizacionais.

     

    b)      A solução deverá permitir a representação dos processos em formato de cadeia de valor, possibilitando a navegação desde macroprocessos, processos, até subprocessos, além da visualização da documentação correlata, tais como formulários e modelos de documentos classificados conforme tipologia padrão.

     

    c)      Na modelagem dos processos de negócio, a solução deverá permitir os seguintes registros:

     

    i)        Entradas utilizadas e saídas geradas, com possibilidade de identificação de tipologia documental correspondente;

     

    ii)      Encadeamento lógico entre as atividades realizadas, bem como regras de precedência ou paralelismo;

     

    iii)    Inter-relacionamento entre áreas envolvidas no processo (raias de responsabilidade/lanes);

     

    iv)    Tempos de realização de cada atividade;

     

    v)      Recursos utilizados (pessoas, sistemas de informação, materiais);

     

    vi)    Custos do processo;

     

    vii)  Criação e detalhamento de subprocessos relacionados/incorporados/reutilizáveis;

     

    viii)           Listagem de informações adicionais sobre a execução de cada atividade, identificáveis na leitura do fluxograma; e

     

    ix)    Registro de normas e procedimentos operacionais que regem a execução do processo.

     

     

    d)     A solução deverá disponibilizar repositório central de processos organizacionais que armazene os processos mapeados.

     

    e)      A solução deverá disponibilizar campos de documentação que representem os processos e suas atividades deverão ser customizáveis, bem como seu tipo e obrigatoriedade de preenchimento.

     

    f)       A solução deverá permitir a colaboração entre a equipe de analistas de negócio e os participantes dos processos de negócio de modo que estes possam fornecer, sob a forma de anotações e proposições de sugestões, feedback àqueles acerca dos processos em mapeamento.

     

    g)      A solução deverá permitir a análise de impacto e a propagação automática de mudanças decorrentes de alterações de requerimentos e de processos de negócio.

     

    h)      A modelagem deverá ser baseada em notação simples, objetiva e facilmente utilizável. A modelagem deverá ainda: evidenciar as integrações atuais e as integrações necessárias entre os dados; apoiar as interações do governo em suas diversas secretarias e órgãos; apoiar o alinhamento com os processos de negócios governamentais; promover a melhoria na gestão pública; e servir como arquitetura de interoperabilidade para o Governo.

     

    i)      A solução deverá permitir a modelagem e a automação de processos de gestão de conhecimento e acervo técnico a partir do preenchimento de informações constantes em relatórios de fiscalização.


    Requisitos Tecnológicos especificados pela área de TI - XII

    XII.            Requisitos de Simulação de Processos:

     

    a)      A solução deverá permitir a simulação dos processos modelados de modo a possibilitar a verificação de seus comportamento em novas configurações, gerando relatórios que indiquem os diferentes desempenhos, cargas e pontos de gargalo, necessidade de aporte de recursos etc;


    Requisitos Tecnológicos especificados pela área de TI -XIII

    XIII.            Requisitos de Versionamento:

     

    a)      A solução deverá permitir o registro e o controle de versões dos processos, procedimentos operacionais, modelos e formulários.

     

    b)      A solução deverá ser compatível com o software de versionamento Subversion.


    Requisitos Tecnológicos especificados pela área de TI - XIV

    XIV.            Requisitos de Integração e Compatibilidade:

     

    a)      A solução deverá exportar as informações dos processos para documentos cuja estrutura possa ser definida pela contratante.

     

    b)      A solução deverá permitir a publicação dos processos de negócio em portais web.

     

    c)      A solução de automação de processos deverá produzir sistemas que interajam com aplicações web já existentes no ambiente operacional da Anatel, por meio de webservices. Os webservices deverão ser desenvolvidos como parte da solução de automação de processos pela contratada, utilizando o padrão Restful, que utiliza o protocolo HTTP.

     

    d)     Visando facilitar o cruzamento de dados de diferentes fontes de informação, quando da sua utilização por outras organizações integrantes da administração pública, por organizações da sociedade civil ou pelo cidadão, a solução deverá utilizar recursos tais como vocabulários controlados, taxonomias, ontologias e outros métodos de organização e recuperação de informações. Tais recursos podem ser desenvolvidos colaborativamente por pessoas com conhecimento na área específica e/ou em metodologias de modelagem específicas, e os resultados devem ser compartilhados, reaproveitados e disponibilizados em um repositório de vocabulários e ontologias de Governo Eletrônico, disponível no endereço http://vocab.e.gov.br.

     

    e)       A solução deverá implementar ou se integrar a ferramenta de gestão de projetos existente na Anatel (MS-Project 2010) de modo a permitir, por exemplo, a priorização, planejamento, gerenciamento e execução de ações de fiscalização, as quais são plenamente aderentes ao conceitos de gerenciamento de projetos. Através da ferramenta de gestão de projetos, as unidades poderão identificar a quantidade total de ações em execução e suas situações dentro de seus portfólios de projetos, possibilitando assim a alocação eficiente e precisa de recursos em relação às suas capacidades limitadas.

     

    f)        A solução deverá se integrar com o Microsoft Outlook de forma a incluir as tarefas atribuídas aos realizadores nas caixas de tarefas da ferramenta e enviar-lhes e-mails comunicando o encargo de realizar as tarefas que lhe forem atribuídas.

     

    g)      A solução deverá adotar XML (eXtensible Markup Language) como padrão primário de intercâmbio de dados.

     

    h)      Como principal meio de acesso, a solução deverá ser acessível, preferencialmente, por meio de tecnologia baseada em browser; outras interfaces gráficas são permitidas em situações específicas, como em rotinas de atualização e captação de dados onde não haja alternativa tecnológica disponível baseada em navegadores.

     

    i)        Poderão ser usadas outras interfaces gráficas além dos navegadores web no caso de uso da solução em outros dispositivos de acesso como, por exemplo, telefones celulares e televisão digital.

     

    j)        As especificações selecionadas deverão ter a capacidade de atender alterações de demanda no sistema, tais como, mudanças em volumes de dados, quantidade de transações ou quantidade de usuários. Os padrões estabelecidos não poderão ser fator restritivo, devendo ser capazes de fundamentar o desenvolvimento de serviços que atendam desde necessidades mais localizadas, envolvendo pequenos volumes de transações e de usuários, até demandas de abrangência nacional, com tratamento de grande quantidade de informações e envolvimento de um elevado contingente de usuários (escalabilidade).

     

    k)      A solução deverá permitir a construção de sistemas que forneçam serviços eletrônicos devem ser capazes de utilizar a Internet como meio de comunicação, seja diretamente ou por meio de serviços de terceiros.

     

    l)        Quando a Internet for usada como meio de comunicação, os sistemas de informação do governo devem ser projetados de maneira que sejam aderentes às especificações da seção 8.2. Complementarmente, a e-PING recomenda que todo serviço de governo eletrônico especifique, com clareza e, de preferência, na sua página inicial, as versões mínimas de navegadores que suportam as funcionalidades requeridas pelo serviço associado.

     

    m)    A         solução deverá comportar os diferentes tipos de dados e não tratar todos como texto.

     

    n)      Para elaboração de minutas de documentos ou trabalhos que necessitem ser criados colaborativamente por mais de uma pessoa e/ou órgão, podem ser utilizados os formatos previstos na Tabela 11 do documento do e-Ping. Já para a elaboração da versão final de documentos, deve ser enviada a outros órgãos ou mesmo arquivada digitalmente, recomenda-se a utilização do formato pdf/a. Documentos que necessitem de garantia de integridade e/ou autoria, além de estarem em formato pdf/a, devem ser assinados digitalmente pelo seu autor, utilizando certificado ICP-Brasil.

     

    o)      Todos os módulos que compuserem a solução de TI deverão ser plenamente compatíveis entre si.

     

    p)      A solução deverá permitir a integração de sistemas de informação por meio da Arquitetura Orientada a Serviços (SOA).

     

    q)      A solução deverá permitir a construção de sistemas integráveis com ferramentas de cálculo de rotas.


    Requisitos Tecnológicos especificados pela área de TI - XV

    XV.            Requisitos de Monitoramento de Processos:

     

    a)      A solução deverá permitir a coleta de dados de desempenho dos processos e viabilizar a administração de indicadores de gestão abrangentes, calculados em tempo real a partir de informações de negócios, possibilitando assim o monitoramento do estado e do desempenho das operações em tempo real . A solução deverá também trazer um conjunto pré-definido de indicadores de desempenho.

     

    b)      A solução deverá permitir a verificação da evolução do desempenho dos indicadores de processos ao longo do tempo.

     

    c)      A solução deverá permitir a construção de painéis de indicadores alimentado em tempo real.


    Requisitos Tecnológicos especificados pela área de TI - XVI

    XVI.            Requisitos de Consulta e Relatórios:

     

    a)      A solução deverá permitir a consulta não só do estado atual de cada instância de execução de processos e suas atividades, mas também seus históricos de execução, identificando participantes, dados inseridos e resultados obtidos em cada uma das instâncias de forma a possibilitar a analise da eficiência dos processos de negócio, detectar gargalos ou caminhos críticos e gerar informações estatísticas para suas otimizações ou aprimoramento de sua gestão.

     

    b)      A solução deverá disponibilizar relatórios que permitam a análise e consolidação de informações de indicadores medidos na execução das diferentes instâncias de execução dos processos de negócio.

     

    c)      A solução deverá permitir a criação de relatórios dinâmicos, sem a necessidade de conhecimentos de programação, a partir de banco de dados operacionais.

     

    d)     A solução deverá permitir a extração de relatórios de desempenho dos processos de negócio.

     

    e)      A solução deverá permitir a pesquisa e a localização tanto de informações textuais inseridas em formulários de processos de negócios, quanto em documentos PDF anexados aos mesmo.

     

    f)       A solução deverá permitir a construção de sistemas que gerem arquivos PDFs a partir das informações textuais inseridas em formulários de processos de negócios e fotos anexadas aos mesmos.


    Requisitos Tecnológicos especificados pela área de TI - XVII

    XVII.            Requisitos de Auditoria:

     

    a)      A solução deverá permitir a realização de auditorias de acesso e execução dos processos.

     

    b)      A solução deverá permitir a rastreabilidade das alterações de dados feitas ao longo dos processos, de forma que alterações sejam feitas por meio de novos lançamentos que anulem os efeitos do anterioor, e não pela simples substituição de dados.

     

    c)      A solução deverá permitir a construção de sistemas que possuam registros históricos (logs) para permitir auditorias e provas materiais e que adotem um sistema de sincronismo de tempo centralizado, bem como se utilizem de mecanismos que garantam a autenticidade dos registros armazenados, se possível, com assinatura digital.

     


    Requisitos Tecnológicos especificados pela área de TI - XVIII

    XVIII.            Requisitos de Interfaces Gráficas:

     

    a)      A solução deverá permitir a execução de processos e prover um ambiente para realização de tarefas humanas, através do qual os usuários finais desempenharão suas atividades.

     

    b)      A solução deverá possibilitar a construção de boas interfaces gráficas, a serem utilizadas pelos usuários, que obedeçam a critérios básicos de usabilidade e ergonomia. As interfaces gráficas deverão, por exemplo, aconselhar, orientar, informar e conduzir o usuário na interação com o sistema; possuir componentes que permitam o arranjo de layouts lógicos, intuitivos e fáceis de operar; e serem intuitivas a ponto de possibilitar aos usuários conseguirem utilizá-las em poucos minutos.

     

    c)      A solução deverá permitir a construção de interfaces gráficas mais intuitivas, menos complexa e que não demandem muitas etapas para realização de uma tarefa "simples", como, por exemplo, ocorre atualmente com a agenda do Fiscal no Sistema Radar.

     

    d)     Assim como todos os sistemas de informação da administração pública, a solução deverá permitir a construção de sistemas alinhados com os padrões para o desenvolvimento de páginas web adotados pelo Consórcio World Wide Web (W3C).

     

    e)      A solução deverá permitir a construção de sistemas plenamente compatível com os navegadores Firefox e Google Chrome.

     

    f)       A solução deverá permitir o reúso de formulários, de forma a diminuir o retrabalho de confecção de novas interfaces gráficas a partir da existência de informações comuns a várias delas.

     

    g)      A solução deverá permitir a construção de sistemas que exibam formulários de forma dinâmica, exibindo campos de forma condicionada à existência de determinadas condições preexistentes nos próprios formulários ou em banco de dados.


    Requisitos Tecnológicos especificados pela área de TI - XIX

    XIX.            Requisitos de Prova de Conceito:

     

    a)      Visando avaliar a viabilidade da solução ofertada e a capacidade de realização dos serviços por parte das licitantes, será realizada "Prova de Conceito", que ocorrerá após a fase de habilitação da(s) licitante(s) e antes da adjudicação.

     

    b)      A prova de conceito é um item de qualificação técnica da licitante importante para avalizar que o interesse público será bem atendido, e o não cumprimento no prazo e nos critérios estabelecidos implicará na desclassificação da licitante e convocação da próxima colocada, somente sendo declarada vencedora a licitante que obtiver aprovação nessa prova de conceito.

     

    c)      A prova de conceito consistirá na automação de um processo de negócio a ser definido pela Anatel, cujo esforço de mapeamento não será superior a 16 horas. A prova de conceito exigirá ainda a integração do processo automatizado com um sistema legado existente no ambiente operacional da Anatel.

     

    d)     A partir da convocação, a licitante terá um prazo de 5 dias úteis para dar início à prova de conceito, a qual terá duração máxima de 7 dias úteis.

     

    e)      O hardware e o software necessários para a realização da prova de conceito serão de responsabilidade da licitante habilitada.

     

    f)       A Anatel não realizará pagamento para estas entregas e compromete-se a utilizar os produtos gerados apenas para fins da habilitação do certame.