Anatel

Agência Nacional de Telecomunicações - ANATEL

Sistema de Acompanhamento de Consulta Pública - SACP

Relatório de Contribuições Recebidas

 Data: 15/08/2022 10:27:58
 Total de Contribuições:10

CONSULTA PÚBLICA Nº 512


 Item:  2.I
Contribuição N°: 1
ID da Contribuição: 17309
Autor da Contribuição: afossa
Data da Contribuição: 19/04/2004 22:31:16
Contribuição: I - NBR NM IEC 60811-1-1
Justificativa: A NBR 6242 foi cancela e substituída pela norma citada acima
 Item:  2.XV
XV - SCTE 66 2003 Test Method for Coaxial Cable Impedance;
Contribuição N°: 2
ID da Contribuição: 16868
Autor da Contribuição: djna
Data da Contribuição: 12/04/2004 16:43:56
Contribuição: Corrigir norma: ANSI/SCTE 66 2003.
Justificativa: Correção da norma.
 Item:  2.XVI
XVI - SCTE 03 2003 Test Method for Coaxial Cable Structural Return Loss;
Contribuição N°: 3
ID da Contribuição: 16869
Autor da Contribuição: djna
Data da Contribuição: 12/04/2004 16:43:56
Contribuição: Corrigir norma: ANSI/SCTE 03 1997.
Justificativa: Correção da norma.
 Item:  3.I
I - Esta norma aplica-se aos cabos coaxiais rígidos de 75 ohms, para aplicação em redes internas e redes externas aéreas ou subterrâneas em dutos, para transmissão de sinais de telecomunicações.
Contribuição N°: 4
ID da Contribuição: 17310
Autor da Contribuição: afossa
Data da Contribuição: 19/04/2004 22:31:16
Contribuição: I - Esta norma aplica-se aos cabos coaxiais rígidos de 75 ohms, para aplicação em redes internas e redes externas aéreas ou subterrâneas em dutos, para transmissão de sinais de banda larga e outros sinais de telecomunicações.
Justificativa: Definir claramente a aplicação do produto - justificativa adicional encontra-se no objetivo da NBR 14770.
 Item:  5.4
5.4 Materiais alternativos para o dielétrico poderão ser utilizados desde que aperfeiçoem a eficiência do isolamento.
Contribuição N°: 5
ID da Contribuição: 17311
Autor da Contribuição: afossa
Data da Contribuição: 19/04/2004 22:31:16
Contribuição: eliminar o item
Justificativa: Não existe necessidade de declaração sobre materiais alternativos uma vez que o texto não especifica nenhum tipo de material.
 Item:  6.5.1
6.5.1 Os valores da resistência elétrica do condutor central, condutor externo e da resistência elétrica de laço (loop), medidos em corrente contínua a 20 C conforme SCTE-IPS-TP-008, não devem ser superiores ao estabelecido na tabela 7.
Contribuição N°: 6
ID da Contribuição: 17091
Autor da Contribuição: malmeida
Data da Contribuição: 19/04/2004 13:37:53
Contribuição: Incluir no documento a tabela 7, informando os valores especificados da resistência elétrica para cada cabo
Justificativa: O documento chama a tabela 7 mas a mesma não esta incluida no documento
Contribuição N°: 7
ID da Contribuição: 17312
Autor da Contribuição: afossa
Data da Contribuição: 19/04/2004 22:31:16
Contribuição: a tabela 7 não encontra-se presente no texto da consulta pública
Justificativa: é importante que tabela 7 seja inserida de forma a permitir sua análise.
 Item:  6.6.1
6.6.1 A impedância característica dos cabos deve ser de 75 ohms 2 ohms na faixa de freqüência de 5 MHz a 1000 MHz, e deve ser verificada conforme o método estabelecido na SCTE 66 2003.
Contribuição N°: 8
ID da Contribuição: 16870
Autor da Contribuição: djna
Data da Contribuição: 12/04/2004 16:43:56
Contribuição: Corrigir norma: ANSI/SCTE 66 2003.
Justificativa: Correção da norma.
 Item:  6.7.1
6.7.1 A perda de retorno estrutural dos cabos deve ser de, no mínimo, 30 dB na faixa de freqüência de 5 MHz a 1000 MHz, e deve ser verificado conforme o método estabelecido na SCTE 03 2003.
Contribuição N°: 9
ID da Contribuição: 16871
Autor da Contribuição: djna
Data da Contribuição: 12/04/2004 16:43:56
Contribuição: Corrigir norma: ANSI/SCTE 03 1997.
Justificativa: Correção da norma.
 Item:  Resistência elétrica
A resistência elétrica dos condutores central, externo e resistência elétrica de laço (loop) deverão ser medidas em corrente contínua, a 20oC, conforme SCTE-IPS-TP-008. Os valores máximos permitidos são mostrados na tabela x (tabela 1 da NBR 14770:2001)
Contribuição N°: 10
ID da Contribuição: 17313
Autor da Contribuição: afossa
Data da Contribuição: 19/04/2004 22:33:53
Contribuição: A resistência elétrica dos condutores central, externo e resistência elétrica de laço (loop) deverão ser medidas em corrente contínua, a 20oC, conforme SCTE-IPS-TP-008. Os valores máximos permitidos são mostrados na tabela x (tabela 1 da NBR 14770:2001)
Justificativa: o requisito de resistência elétrica é de vital importância para caracterização adequada da qualidade do produto.